Sexta-feira, 16.02.18

Ranking FIFA: Portugal kontinua iha fatin datoluk, Timor-Leste iha pozisaun 191

Portugal kontinua iha fatin datoluk iha ranking FIFA nian, ne'ebé fó sai iha loron-kinta ne'e iha site ofisial hosi organizmu ne'ebé kaer futebol mundial, ho top-10 la muda ho ranking fulan-Janeiru nian. 

 

 

Selesaun luzu, atual kampeaun europeia, tama iha postu datoluk hafoin Brazil (pozisaun daruak) no Alemaña ne'ebé maka lidera nafatin.

 

Hafoin Portugal, iha Arjentina iha pozisaun haat, no pozisaun dalima okupa fali hosi Béljika.

 

Destake ba Islándia, nasaun ne'ebé ba dala uluk iha tinan ne'e, iha Rúsia, sei tuir Kampeonatu Mundu ida, sa'e fatin rua, ba pozisaun 18.

 

Kongo hetan aumentu maka'as iha fulan-Fevereiru, aumenta fatin ualu ba pozisaun 88, Ejiptu hanesan selesaun ida ne'ebé maka tuun pozisaun maka'as tuun ba pozisaun 43.

 

Cabo Verde hetan pozisaun ida no okupa fatin 62, tuir Guiné-Bissau, ne'ebé lakon fatin 11 no tuun ba pozisaun 94. Nasaun sira ne'ebé la tama iha top-100 kontinua nafatin ho Mosambike (pozisaun 107), Angola (pozisaun 141), São Tomé & Prínsipe (pozisaun 179), Makau (pozisaun 186) ho Timor-Leste iha pozisaun 191.

 

- ‘Ranking’ FIFA nian iha loron 15 Fevereiru:

 

1. (1) Alemaña, ho pontu 1.602.

2. (2) Brazil, ho pontu 1.484.

3. (3) Portugal, ho pontu 1.358.

4. (4) Arjentina, ho pontu 1.348.

5. (5) Béljika, ho pontu 1.325.

6. (6) España, ho pontu 1.231.

7. (7) Polónia, ho pontu 1.213.

8. (8) Suísa, ho pontu 1.190.

9. (9) Fransa, ho pontu 1.183.

10. (10) Xile, ho pontu 1.153.

 

(...)

 

62. (63) Cabo Verde, ho pontu 532.

94. (83) Guiné-Bissau, ho pontu 409.

107. (108) Mosambike, ho pontu 310.

141. (142) Angola, ho pontu 200.

179. (179) São Tomé & Prínsipe, ho pontu 94.

186. (186) Makau, ho pontu 65.

191. (191) Timor-Leste, ho pontu 44.

 

Fonte: Lusa

Ranking FIFA: Portugal continua no 3º lugar, Timor-Leste na posição 191

Portugal continua no terceiro lugar do ranking FIFA, divulgado ontem no site oficial do organismo que rege o futebol mundial, com o top-10 a manter-se inalterado em relação a janeiro. 

 

 

A seleção lusa, atual campeã europeia, segue no terceiro posto atrás do Brasil, segundo classificado, e da Alemanha, que continua a liderar.

 

Atrás de Portugal, na quarta posição, continua a Argentina, enquanto o quinto posto volta a ser ocupado pela Bélgica.

 

Destaque para a Islândia, país que vai este ano pela primeira vez, na Rússia, disputar um Campeonato do Mundo, tendo subido dois lugares, para o 18.º posto.

 

O Congo protagonizou a maior subida de fevereiro, escalando oito lugares para 88.º, enquanto o Egito foi a seleção que deu o maior ‘trambolhão’, ao perder 13 lugares, baixando para 43.º.

 

Cabo Verde ganhou uma posição e ocupa o 62.º lugar, seguido da Guiné-Bissau, que perdeu 11 e desceu para 94.º. Fora do top-100, continuam Moçambique (107), Angola (141), São Tomé e Príncipe (179), Macau (186) e Timor-Leste (191).

 

- ‘Ranking’ da FIFA em 15 de fevereiro:

 

1. (1) Alemanha, 1.602 pontos.

2. (2) Brasil, 1.484.

3. (3) Portugal, 1.358.

4. (4) Argentina, 1.348.

5. (5) Bélgica, 1.325.

6. (6) Espanha, 1.231.

7. (7) Polónia, 1.213.

8. (8) Suíça, 1.190.

9. (9) França, 1.183.

10. (10) Chile, 1.153.

 

(...)

 

62. (63) Cabo Verde, 532.

94. (83) Guiné-Bissau, 409.

107. (108) Moçambique, 310.

141. (142) Angola, 200.

179. (179) São Tomé e Príncipe, 94.

186. (186) Macau, 65.

191. (191) Timor-Leste, 44.

 

Fonte: Lusa

Terça-feira, 12.12.17

FIFA kastigu Timor-Leste ho lakon hitu iha apuramentu ba Mundial2018 nian

Komité Disiplinar FIFA nian fó kastigu, iha loron-tersa ne'e, ba selesaun futebol Timor-Leste nian ho lakon hitu iha kualifikasaun ba Mundial2018, tanba jogador sira ne'ebé labele eleitu, nune'e mós ho multa ida hamutuk euro rihun 60 resin. 

 

 

Kastigu ne'e aplika ona hosi utilizasaun "hosi total ida jogador na'in sira ne'ebé labele eleitu tanba nia nasionalidade", esplika hosi komité iha komunikadu, ne'ebé hatete katak desizaun ne'e iha relasaun ho kastigu anterior ida hosi AFC, organizmu ne'ebé kaer futebol aziátiku nian.

 

Ekipa timoroan sai ona iha ronda daruak kualifikasaun nian, no hakotu ona grupu iha pozisaun ikus, ho empate rua no lakon neen iha jogu ualu, ho marka golu rua no simu golu hamutuk 36.

 

Entre medida sira ne'ebé foti hosi Komité Disiplinar FIFA nian, Nijéria hetan kastigu ho lakon ida ho 3-0 hasoru Aljéria, bainhira kualifika tiha ona ba Mundial2018 iha Rúsia, iha jogu ne'ebé halo iha loron 10 Novembru 2017.

 

Iha kauza hosi kastigu ne'e maka utilizasaun iregular hosi Abdullahi Shehu, ne'ebé maka hetan suspensaun hela.

 

Kolombianu Edwin Cardona hetan suspensaun ba jogu lima, hafoin halo tiha "asaun diskriminatóriu ba adversáriu ida" iha jogu partikular entre Koreia-Súl ho Kolómbia, iha loron 10 Novembru (ho rezultadu 2-1).

 

ho Lusa

Timor-Leste punido pela FIFA com sete derrotas no apuramento para Mundial2018

O Comité Disciplinar da FIFA sancionou hoje a seleção de futebol de Timor-Leste com sete derrotas na qualificação para o Mundial2018, devido a jogadores inelegíveis, bem como uma multa de 70 mil francos suíços (cerca de 60 mil euros). 

 

 

A sanção foi aplicada pela utilização “de um total de nove jogadores inelegíveis devido à sua nacionalidade”, explicou o comité em comunicado, que realça que a decisão está relacionada com uma sanção anterior da AFC, organismo que tutela o futebol asiático.

 

A equipa timorense foi eliminada na segunda ronda de qualificação, tendo terminado em último o grupo A, com dois empates e seis derrotas em oito jogos, dois golos marcados e 36 sofridos.

 

Entre outras medidas tomadas pelo Comité Disciplinar da FIFA, a Nigéria foi punida com uma derrota por 3-0 frente à Algéria, quando já estava qualificada para o Mundial da Rússia2018, num jogo disputado em 10 de novembro de 2017.

 

Em causa está a utilização irregular de Abdullahi Shehu, que estava suspenso.

 

O colombiano Edwin Cardona foi suspenso por cinco jogos, depois de ter feito um “gesto discriminatório para um adversário” no particular entre a Coreia do Sul e a Colômbia, em 10 de novembro (2-1).

 

Lusa

Quinta-feira, 13.07.17

Konfederasaun Aziátika Futebol nian hasai antigu diretór Timor-Leste nian

Iha loron-kinta ne'e, Konfederasaun Aziátiku Futebol nian (AFC) suspende ona, ba moris tomak, antigu diretór tékniku hosi Asosiasaun Futebol Timor-Leste nian Orlando Marques Henriques hosi atividade sira ne'ebé iha ligasaun ho futebol. 

 

 

Desizaun ne'e mosu hafoin hatudu tiha katak Orlando Henriques aseita ona osan hamutuk dolar rihun 15 hodi oferese ba jogador sira hosi ekipa futebol Timor-Leste nian, hodi sira lakon jogu ho Malázia, ne'ebé halo iha loron 20 Maiu, iha Jogu sira Sudeste Aziátiku nian iha tinan 2015, iha Singapura.

 

Orlando Henriques no responsável timoroan seluk, Moisés Natalino de Jesus, deklara ona kulpadu no hetan kondenasaun iha fulan-Novembru 2015 ba kadeia fulan 20 no fulan 24 tanba partisipasaun iha "konspirasaun kriminoza".

 

Maibé antigu diretór tékniku timoroan ne'e hetan libertasaun hosi kadeia iha Singapura.

 

Investigasaun sira halo hosi Corrupt Practices Investigation Bureau (CPIB) ne'ebé kaer timoroan na'in rua ne'e no hosi ko-konspirador sira, indonéziu Nasiruddin ho ema ida hosi Singapura Rajendran R Kurusamy antes jogu, ne'ebé hotu ho 1-0 manán hosi Malázia.

 

Nasiruddin ho Rajendran - konsidera iha tribunal hanesan responsável importante tanba kombina rezultadu sira jogu nian (match-fixing) hosi Singapura - deklara ona kulpadu iha nia julgamentu, no hetan ona kondenasaun ba kadeia, ida-idak, ho fulan 30 no fulan 48.

 

Iha fulan-Janeiru, AFC fó sai ona eskema ida ba falsifikasaun sertidaun moris nian ne'ebé destinadu hodi hatama jogador brazileiru na'in 12 iha selesaun nasional futebol Timor-Leste nian, hodi uza jogador sira iha jogu sira kualifikasaun ba Tasa Ázia 2019 nian, Kampeonatu Mundu 2018 nian no kompetisaun sira seluk.

 

ho Lusa

Confederação Asiática de Futebol irradia antigo diretor de Timor-Leste

A Confederação Asiática de Futebol (AFC) suspendeu hoje vitaliciamente o antigo diretor técnico da Associação de Futebol de Timor-Leste Orlando Marques Henriques de todas as atividades relacionadas com o futebol. 

 

 

A decisão surge depois de ter sido provado que Orlando Henriques aceitou um suborno de 15 mil dólares (cerca de 13 mil euros) para oferecer aos jogadores da equipa de futebol Timor-Leste, para que perdessem o jogo com a Malásia, realizado a 30 de maio, nos Jogos do Sudoeste Asiático de 2015, em Singapura.

 

Orlando Henriques e outro responsável timorense, Moisés Natalino de Jesus, declararam-se culpados e foram condenados em novembro de 2015 a penas de 20 e 24 meses de prisão pela sua participação na "conspiração criminosa".

 

O antigo diretor técnico timorense foi entretanto libertado da prisão em Singapura.

 

As investigações foram conduzidas pelo Corrupt Practices Investigation Bureau (CPIB) que deteve os dois timorenses e os seus coconspiradores, o indonésio Nasiruddin e o singapurense Rajendran R Kurusamy antes do jogo, que terminou 1-0 a favor da Malásia.

 

Nasiruddin e Rajendran - considerado no tribunal como o maior responsável por combinar resultados de jogos (match-fixing) de Singapura - já se tinham declarado culpados no seu julgamento, tendo sido condenados, respetivamente, a 30 meses e 48 meses de prisão.

 

Já em janeiro, a AFC denunciou um esquema de falsificação de certidões de nascimento destinada a integrar 12 jogadores brasileiros na seleção nacional de futebol de Timor-Leste, de modo a utilizar os jogadores nos jogos de qualificação para a Taça da Ásia de 2019, Campeonato do Mundo de 2018 e outras competições.

 

com Lusa

Quinta-feira, 09.02.17

Portugal iha pozisaun ualu no Timor-Leste iha fatin 194 iha 'ranking' FIFA

Selesaun portugeza, kampeaun europeia futebol nian, mantén fatin daualuk iha 'ranking' FIFA, ne'ebé kontinua lidera hosi Arjentina, tuir Brazil no kampeaun mundial Alemaña. 

 

 

Iha pozisaun sanulu dahuluk sira verifika ona, relasionadu ho fulan-Janeiru, alterasaun ki'ik ida, ho Fransa sa'e ba pozisaun neen troka ho Kolómbia ne'ebé tuun ba fatin dahitu.

 

Realizasaun hosi Tasa Nasaun Afrikanu sira nian (CAN2017) hamosu mudansa importante sira, ho kampeaun Kamaraun okupa agora fatin 33, ho subida pozisaun 29, no Ejiptu, finalista ne'ebé lakon, tama ih a23 ho progresaun ida hosi postu 12.

 

Burkina Faso, selesaun ne'ebé treina hosi portugés Paulo Duarte, klasifikadu datoluk no hanesan surpreza ida iha CAN, agora iha pozisaun 38, pozisaun 15 aas liu duké iha fulan-Janeiru ne'ebé nia okupa fatin 53.

 

‘Ranking’ FIFA, loron 09 Fevereiru:

 

1. (1) Arjentina, pontu 1.635.

2. (2) Brazil, pontu 1.529.

3. (3) Alemaña, pontu 1.433.

4. (4) Xile, pontu 1.386.

5. (5) Béljika, pontu 1.371.

6. (7) Fransa, pontu 1.313.

7. (6) Kolómbia, pontu 1.304.

8. (8) Portugal, pontu 1.229.

9. (9) Uruguai, pontu 1.195.

10. (10) España, pontu 1.168.

(...)

38. (53) Burkina Faso, pontu 611.

80. (68) Guiné-Bissau, pontu 515.

74. (79) Cabo Verde, pontu 449.

87. (108) Gabaun, pontu 392.

105. (106) Mosambike, pontu 322.

148. (144) Angola, 199.

153. (153) São Tomé & Prínsipe, pontu 177.

184. (184) Makau, pontu 82.

194. (191) Timor-Leste, pontu 64.

 

Fonte: Agência Lusa

Portugal é oitavo e Timor-Leste na posição 194 no 'ranking' da FIFA

A seleção portuguesa, campeã europeia de futebol, mantém o oitavo lugar no ‘ranking’ da FIFA, que continua a ser liderado pela Argentina, seguida pelo Brasil e pela campeã mundial Alemanha.


 

Nas dez primeiras posições verificou-se, em relação a janeiro, apenas uma ligeira alteração, com a França a subir ao sexto lugar, por troca com a Colômbia, que desceu à sétima posição.

 

A realização da Taça das Nações Africanas (CAN2017) provocou mudanças significativas, com os campeões Camarões a ocuparem agora o 33.º lugar, com uma subida de 29 posições, e o Egito, finalista vencido, a ser 23.º, com uma progressão de 12 postos.

 

O Burquina Faso, seleção treinada pelo português Paulo Duarte, terceira classificada e uma das surpresas da CAN, é agora 38.º classificado, 15 posições acima do que tinha em janeiro, quando era 53.º.

 

‘Ranking’ da FIFA, em 09 de fevereiro:

 

1. (1) Argentina, 1.635 pontos.

2. (2) Brasil, 1.529.

3. (3) Alemanha, 1.433.

4. (4) Chile, 1.386.

5. (5) Bélgica, 1.371.

6. (7) França, 1.313.

7. (6) Colômbia, 1.304.

8. (8) Portugal, 1.229.

9. (9) Uruguai, 1.195.

10. (10) Espanha, 1.168.

(...)

38. (53) Burquina Faso, 611.

80. (68) Guiné-Bissau, 515.

74. (79) Cabo Verde, 449.

87. (108) Gabão, 392.

105. (106) Moçambique, 322.

148. (144) Angola, 199.

153. (153) São Tomé e Príncipe, 177.

184. (184) Macau, 82.

194. (191) Timor-Leste, 64.

 

Fonte: Agência Lusa

Terça-feira, 07.02.17

FIFA aumenta kastigu ne'ebé fó ba responsável hosi federasaun timoroan

FIFA explika katak desizaun ne'e bandu Amândio de Araújo Sarmento hodi labele partisipa durante tinan tolu "iha atividade balun ne'ebé relasionadu ho futebol". 

 

 

FIFA fó sai ona katak aumenta ona ba nível mundial kastigu ida ne'ebé fó hosi Komisaun Disiplinar hosi Konfederasaun Aziátiku Futebol nian (CAF) ba sekretáriu-jeral hosi Federasaun Futebol Timor-Leste nian, ne'ebé duun uza dokumentu falsu hodi regulariza jogador brazileiru sira.

 

Desizaun hosi FIFA, ne'ebé fó sai iha pájina iha internet hosi organizasaun nian, explika katak desizaun ne'e bandu Amândio de Araújo Sarmento hodi labele partisipa durante tinan tolu "iha atividade balun ne'ebé relasionadu ho futebol" iha nível mundial.

 

"CAF halo investigasaun hamutuk ho FIFA kona-ba kolokasaun hosi jogador sira ne'ebé la elejível hosi Timor-Leste. Hafoin simu arkivu hosi CAF, FIFA agora iha hela prosesu hodi hakotu nia investigasaun rasik", explika hosi FIFA.

 

Iha loron 20 Janeiru Konfederasaun Aziátiku Futebol (CAF) nian suspende ona Timor-Leste hosi edisaun tinan 2023 ba Tasa Aziátiku hafoin komprova katak federasaun timoroan uza ona jogador brazileiru na'in 12 ho dokumentu nasionalidade sira ne'ebé falsu.

 

CAF explika ona iha tempu ne'ebá katak desizaun ne'e foti hafoin investigasaun ida, hahú iha fulan-Juñu tinan liubá, kona-ba uzu jogador brazileiru sira durante períudu hosi kualifikasaun ba Tasa Aziátiku edisaun tinan 2019.

 

Aleinde bandu Timor-Leste hodi labele partisipa iha kualifikasaun ba edisaun tinan 2023 hosi troféu, federasaun timoroan tenki seu multa ida ho folin dolar rihun 20.

 

Sekretáriu-jeral hosi federasaun Timor-Leste nian, Amândio de Araújo Sarmento, hetan kastigu hodi labele tuir atividade sira relasionadu ho futebol durante tinan tolu no kondena selu multa ho folin dolar rihun sira. Responsável seluk, Gelásio Da Silva Carvalho, hetan multa dolar rihun tolu tanba tenta interfere ho investigasaun.

 

Ajénsia Lusa fó sai ona iha fulan-Dezembru katak investigasaun ida hosi CAF hatudu ona katak jogador brazileiru sira rejista ona iha selesaun ho sertidaun sira moris nian ka sertidaun batizmu falsu ne'ebé hatudu katak sira nia aman ka inan ka aman-inan sira moris iha Timor-Leste.

 

"Verifika ona katak elementu sira ne'e hanesan falsu", refere hosi komunikadu ida hosi CAF ne'ebé explika katak "investigasaun la permiti ona konkluzaun balun kona-ba validade hosi sidadania Timor-Leste nian ne'ebé maka futebolista sira ne'e hetan" maski "ne'e hanesan kestaun ida ba autoridade sira Timor-Leste nian".

 

Jogador brazileiru sira na'in sia ne'e partisipa ona iha jogu hamutuk 29 ho juridisaun hosi CAF, liuliu iha kualifikasaun ba Tasa Aziátiku tinan 2019 (ne'ebé Timor-Leste lakon) no iha jogu hitu ho juridisaun hosi FIFA, liuliu hosi kualifikasaun ba Mundial 2018 nian (ne'ebé Timor-Leste lakon mós).

 

Investigasaun hosi CAF ne'e tau hamutuk ho investigasaun ida seluk kona-ba kazu hanesan ne'ebé hahú iha 2015 hosi FIFA no seidauk hatene nia rezultadu sira, ne'ebé asuntu ne'e sai mós hanesan inkéritu ida hosi ezekutivu timoroan.

 

Lahó liga nasional iha tinan barak nia laran, Timor-Leste sa'e, entre tinan 2011 no 2015, iha 'ranking' FIFAnian hosi pozisaun 205 ba 170, no agora daudaun iha pozisaun 191, pozisaun ida ne'ebé bele afetadu hosi desizaun disiplinar sira.

 

@SAPO Desporto

Segunda-feira, 23.01.17

Jogadores brasileiros desconheciam situação ilegal na seleção de Timor-Leste - Advogada

Os brasileiros Júnior Aparecido, Patrick Fabiano e Rodrigo Silva, que disputaram jogos pela seleção de Timor-Leste, acusada pela Confederação Asiática de Futebol (CAF) de ilegalidades, desconheciam a situação, segundo a advogada dos futebolistas, citada hoje pela imprensa brasileira. 

 

 

A informação foi dada ao jornal brasileiro Estadão pela representante legal dos jogadores, Cíntia Ruiz Nicolau, que assegurou que os mesmos foram apanhados de surpresa e que procuraram a causídica quando souberam da investigação.

 

"Eles foram apanhados de surpresa. Quando ficaram sabendo da investigação, na hora procuraram ajuda jurídica. Não tem esquema nenhum com jogador, foram contactados pelas autoridades do país, obtiveram a cidadania e o passaporte. Eles não tinham nem remuneração para defender Timor-Leste, faziam isso pelo sonho de jogar em uma seleção", disse Cíntia Ruiz Nicolau.

 

Na sexta-feira, a CAF suspendeu Timor-Leste da edição de 2023 da Taça Asiática depois de uma investigação comprovar que a federação timorense utilizou 12 jogadores brasileiros com documentos falsos que alegavam ser timorenses, e a equipa poderá também ser afastada da qualificação para o Mundial2022.

 

Além dos três jogadores representados por Cíntia Ruiz Nicolau, estão também envolvidos os jogadores brasileiros Ramon de Lima Saro, Paulo Helber Rosa Ribeiro, Diogo Santos Rangel, Paulo César da Silva Martins, Jairo Pinheiro Palmeira Neto, Felipe Bertoldo do Santos, Jaime Celestino Dias Bragança, Heberty Fernandes de Andrade e Thiago dos Santos Cunha.

 

"O que existiu foi uma lista de jogadores que participaram de jogos e esses jogos foram anulados. Eles não cometeram nenhum crime, não tiveram nenhuma participação nisso, porque os passaportes deles são válidos, oficiais. Timor-Leste achou que os atletas preenchiam as condições para ter a cidadania", acrescentou a advogada.

 

A suspensão de Timor-Leste surge na sequência de uma investigação da CAF sobre o uso de jogadores brasileiros durante o período de qualificação para a edição de 2019 da Taça Asiática.

 

A investigação comprovou que os jogadores brasileiros foram registados na seleção com certidões de nascimento ou de batismo falsas que alegavam que um ou ambos os pais tinham nascido em Timor-Leste.

 

"Nenhum dos brasileiros era parte desse processo. Era apenas a seleção. A investigação era basicamente se os atletas cumpriram os requesitos necessários. Houve penalidade para a federação e dirigentes, mas não para os atletas", adiantou ainda a advogada.

 

A situação levou não só à suspensão de Timor-Leste, mas também ao pagamento de uma multa de 20.000 dólares (cerca de 18 mil euros), a uma multa e suspensão por três anos do secretário-geral da Federação, Amândio de Araújo Sarmento, e a uma multa a Gelásio da Silva Carvalho, também funcionário do organismo timorense.

 

com Lusa

pesquisar

 

Fevereiro 2018

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

posts recentes

últ. comentários

  • Favor hakerek ho formato lolos:Boavista 0 - 1 FC p...
  • Kona ba ita nia selesaun futsal nian nebe dadaun n...
  • Tun ba posizaun 19 = desceu para a decima nona pos...
  • El sonido de una mágica voz.Veo, en la inmensidad ...
  • VIVA! Viva o BENFICA! VIVA! Viva o BENFICA!
  • VIVA! Viva o BENFICA VIVA Viva o BENFICA</b!!!
  • nossa show de bola, parabéns!Very good mens!
  • Manan na'in ba tinan 2013 mak husi ekipa Eni Timor...
  • acho que esta horario incompleto, porque so estava...

arquivos

tags

subscrever feeds

blogs SAPO

Atletismo