Acusações adicionais contra timorenses detidos nos Southeast Asian (SEA) Games

As autoridades em Singapura formalizaram acusações adicionais, de conspiração criminosa e suborno, contra quatro pessoas, incluindo dois timorenses, suspeitos de combinarem o resultado do jogo de futebol entre a Malásia e Timor-Leste nos Southeast Asian (SEA) Games.


 

Os detidos são o singapurense Rajendran R. Kurusamy, de 55 anos, os timorenses Orlando Marques Henriques Mendes, de 49 anos, e Moises Natalino De Jesus, de 32, e ainda o indonésio Nasiruddin, de 52 anos.

Mendes é o diretor técnico da Federação de Futebol de Timor-Leste e Natalino de Jesus é um ex-jogador da seleção timorense.

Inicialmente, Rajendran foi acusado de ter subornado os dois timorenses com 15 mil dólares para que a seleção de sub-23 de Timor-Leste perdesse contra a Malásia no jogo de sábado para os SEA Games.

As autoridades acrescentaram agora acusações contra Rajendram e Orlando Mendes, que foram agora acusados de conspirar para oferecer dinheiro a pelo menos sete jogadores timorenses para perderem o jogo contra a Malásia.

Natalino de Jesus e Nasiruddin foram também acusados hoje de conspiração por terem acordado tentar subornar jogadores da seleção timorense.

A acusação pediu que os detidos fiquem em prisão preventiva, sem fiança, devendo a defesa argumentar a favor da fiança, nomeadamente para Rajendran, que alega estar doente.

 

No dia 07 de Junho 2015, Timor-Leste perdeu no jogo, realizado no Bishan Stadium para os Southeast Asian (SEA) Games, contra Vietname por 0-4. O próximo jogo vai ser realizado no mesmo estádio no dia 09 de Junho 2015 contra Laos.

com Lusa